O que (ainda não) decidi…

Começando uma nova semana, deixo aqui uma colocação.

Em todos os sites de casamento tem listas infinitas de o que deve ser feito, de quais as prioridades, de quando deveria ter feito isso ou aquilo… “Com 12 meses antes, defina a data” ou “Faltando 8 meses, tenha reservado a igreja”, “Não deixe nada para última hora” etc.

A verdade é que essas orientações só ajudam a aumentar a ansiedade e não operacionalizam efetivamente a organização do casamento.

Depois de pensar em uma data, 16 de dezembro de 2012, você descobre que nem sempre ela é possível em todos os locais visitados, que a igreja e o local para a recepção não tem as mesmas datas e horários disponíveis e aí chega a hora de fazer malabarismo com as probabilidades para tentar fazer tudo convergir.

E ao passo que nada vai sendo definido por depender de diversos fatores, as miudezas vão aparecendo… e essas sim são infinitas, mas decidir isso é o que te alegra em pensar sobre esse dia tão futuro e, ao mesmo tempo, tão perto. A cor da faixa do buquê, ver fotos de “topo de bolo” e imaginá-lo no seu bolo de casamento, qual lembrancinha será a escolhida, que penteado combina consigo e muitas outras coisinhas lindas que lhe encantam!

No fim, organizar um casamento é gastar telefone, mandar e-mails, avaliar ilimitados orçamentos e, isso sim é o mais importante, imaginar cada detalhe que representa o casal, que combina com os dois e que vai alegrar os convidados queridos que farão parte da celebração dos dois.Image

Anúncios

Começando uma nova fase

Data: 16 de dezembro de 2012… Confirmada? Não…

Mas antes de qualquer certeza, muitas dúvidas, ideias, compromissos, orçamentos e provas se passam a cada semana na vida de uma noiva.

Pretendo, aqui, começar a “pensar em voz alta”… Realizar meu brainstorm em público, até chegar o grande dia – seja de casar ou de fazer o site para os convidados!

Até lá, novidades serão apresentadas de acordo com meus anseios. O que importa, na verdade, é registrar!

Abraços carinhosos