Quando os livros não ocupam só o espaço na prateleira…

Para quem não conhece, convive ou já vivenciou a rotina de professor, não faz ideia de como o final do ano depois de um período de greve pode enlouquecer os noivos…

Sim, os planos eram estar com tudo pronto até começo de dezembro… Na prática, bom, tem muita coisa certa, mas ainda tem aqueles pontos sem nó que insistem em não se atar.

Entre buscar o vestido, encontrar os fornecedores e listar tudo que foi feito para ver se não falta algo muito importante, sempre falta algo, os livros se misturam com as lembrancinhas, as provas dividem espaço na estante com o livro de assinaturas e os livros, ahhh, esses se espalham pela mesa juntamente com molduras e tags…

E lá se passou o ano, a correria já deixou a fase desesperadora para trás… O que temos agora é a certeza de que os alunos precisam de nota e o casamento de bebida!

Enquanto isso, os convidados vão mandando e-mail, confirmando presença, e nos alegrando, fazendo todo o esforço em organizar essa comemoração uma grande festa.

E, para os mais desavisados, o site do casamento (e não mais este aqui, dos preparativos) já está no ar, inclusive com dicas de roupa! É o fezto.com/casamentodocasal!  É só clicar aqui! E quem passar por lá vai perceber que só faltam 22 dias…

A única obrigação de todos é confirmar presença para ninguém ficar sem mesa… Por isso, o e-mail preparativosdocasal@gmail.com é todinho só para receber dúvidas, avisos e confirmações…

Image

Confissões de uma noiva

Organizar um casamento é algo delicioso!!! Não sei como pode ser tão encantador, mas a gente se envolve…! É algo tão bom que estou começando a achar que vicia!

É um pouco estranho ver uma noiva assumindo isso, porém é a mais pura verdade. Correr atrás do seu sonho dá muito trabalho e te obriga a encontrar muitos fornecedores, marcar horário com gente dos mais diversos setores (isso se você não tem uma cerimonialista como eu)… O dia-a-dia cheio de obrigações daquele espaço da vida que não se refere aos preparativos do casamento te obrigam a usar as noites para resolver coisas; as degustações, workshops, provas de vestidos, eventos de casamento e atendimento personalizado são todos compromissos para depois das 18h.

Conclusão: quando se percebe, cada dia da semana está cheio. Já agendou coisa para mais de um mês e nem sabe o que vai acontecer até lá. É… por isso eu digo, organizar um casamento vicia. É tudo envolvente e feito para nos prender.

Claro que não é culpa só da noiva! As preocupações são muitas e o tempo é muito curto. Todos sempre te perguntam sobre os preparativos. O assunto contigo é sempre casamento (e imagino que as futuras mamães também se sintam assim… o assunto deve ser só o baby). O noivo se cansa de só ouvir você falar se vai usar gérbera ou rosa na decoração e se seu vestido vai ter renda ou bordado (isso se ele souber a diferença). Então, depois de cinco meses de pensamentos voltados aos infinitos preparativos, vou deixar de lado um pouquinho as coisas (ou ver se as coisas me deixam de lado)…

O casamento se refere a uma dupla de pessoas maravilhosas que querem publicamente declarar seu amor e o seu interesse em passar o restante dos seus dias juntos. Então, nada mais justo do que a noiva deixar vários dias para esse lindo ser humano que a propôs em casamento! 

Daqui pra frente acho que o mais importante está encaminhado. Será que consigo uma semana sem pensar no grande dia e em cada pedacinho dessa celebração? A retrospectiva me diz que não, contudo minha confiança me garante que sim!

Acho que este ano o presente de dia dos namorados para o noivo vai ser descansar

da organização desse grande evento por uns dias…

Image